Acordo com o Banco de Brasília beneficia entidades do Comércio e empresas do Centro-Oeste

AddToAny buttons

Compartilhe
10 A 11 out 19
Ex: 8h00 às 18h00
Botão - Tenho Interesse
Esse preenchimento não garante sua
inscrição. É apenas para fins de comunicação,
envio de novidades e informações sobre o
evento.
O governador Ibaneis Rocha (E), o presidente da CNC, José Roberto Tadros, e o presidente do BRB, Paulo Henrique Costa, na assinatura da parceria
O governador Ibaneis Rocha (E), o presidente da CNC, José Roberto Tadros, e o presidente do BRB, Paulo Henrique Costa, na assinatura da parceria
Crédito
CNC

A Confederação Nacional do Comércio de bens, Serviços e Turismo (CNC) e o Banco de Brasília (BRB) firmaram acordo para a oferta de crédito às entidades sindicais ligadas à CNC e empresas do comércio no Centro-Oeste, área de atuação do Banco. O convênio foi assinado hoje, 10 de outubro, na reunião mensal da Diretoria da Confederação, no Rio de Janeiro, pelo presidente da entidade, José Roberto Tadros, e o presidente do banco, Paulo Henrique da Costa. Acompanharam também a assinatura o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), o secretário de Economia do DF, André Clemente.

O acordo de cooperação prevê, por parte das empresas vinculadas aos sindicatos e federações, acesso às linhas de crédito destinadas a investimento, produtos e serviços do BRB voltados às micro, pequenas e médias empresas. “Vislumbro um belo futuro. Abrimos um importante canal de negociação”, afirmou o presidente José Roberto Tadros, que cumprimentou o governador Ibaneis Rocha pelo sentido de cooperação entre o governo do Distrito Federal e as entidades do Sistema Comércio.

Defesa da atuação do Sesc e Senac

Falando aos presidentes e representantes das federações que integram a CNC, o governador Ibaneis Rocha destacou o importante papel desempenhado por Sesc e Senac para os trabalhadores do comércio e a população brasileira. “Sou um defensor da atuação do Sesc e do Senac, por tudo o que pude conhecer desse trabalho nos dez meses do meu mandato. As ações das duas instituições são sempre alinhadas com as necessidades do público atendido e chegam rápido à população”, afirmou Ibaneis. O governador agradeceu também ao presidente da Fecomércio-DF, Francisco Maia, pelas parcerias que vêm sendo realizadas, e destacou a importância de Brasília e do esforço para desonerar tributos, ajustar as contas e reativar o setor produtivo. “Estamos trabalhando para colocar a cidade no eixo do desenvolvimento. Brasília tem um potencial grande, facilidade logística, um dos melhores aeroportos do País e possibilidade de investimento muito grande”, disse.

Entre os benefícios previstos no acordo com a CNC, taxas de financiamento a partir de 0,92% a.m., prazo de até 120 meses e carência de até um ano para o pagamento da primeira parcela; capital de giro a 0,92% a.m. e prazo de 60 meses; 100% de desconto na primeira anuidade do cartão empresarial e conta garantida com taxas de 1,02% a.m. Outras facilidades também serão oferecidas para as empresas que optarem por trazer a folha de pagamento para o BRB. Um cartão Co-Brand faz ainda parte do pacote.

As condições especiais também estarão disponíveis para os trabalhadores vinculados aos sindicatos integrados ao Sistema Comércio, que vão ter à disposição 10 dias sem juros no cheque especial; taxa de financiamento imobiliário de 6,99% - a mais baixa do País; seguro residencial a partir de R$ 19,90; 10% de desconto (sobre a melhor proposta de mercado) para seguro auto.

“A parceria entre o BRB e a CNC marca um novo posicionamento do BRB, mais próximo ao setor produtivo. O acordo vai permitir a oferta de um portifólio completo como forma de auxiliar o desenvolvimento econômico de todo o Centro-Oeste”, afirmou o presidente do BRB, Paulo Henrique Costa.