Tadros é homenageado com o Prêmio Sistema Fecomércio

AddToAny buttons

Compartilhe
12 A 13 dez 19
Ex: 8h00 às 18h00
Botão - Tenho Interesse
Esse preenchimento não garante sua
inscrição. É apenas para fins de comunicação,
envio de novidades e informações sobre o
evento.
Tadros elogiou a iniciativa de homenagear aqueles que usam criatividade e talento para dar impulso ao desenvolvimento
Tadros elogiou a iniciativa de homenagear aqueles que usam criatividade e talento para dar impulso ao desenvolvimento
Crédito
Edson Chaves Filho

12/12/2019

O presidente da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), José Roberto Tadros, recebeu, em 11 de dezembro, o Prêmio Sistema Fecomércio, concedido a empresários e personalidades que trabalham pelo desenvolvimento do Distrito Federal. A homenagem, iniciativa da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Distrito Federal, foi marcada pela entrega de troféu a 11 empreendedores que se destacaram nas áreas de comércio, serviços, turismo, educação e cultura.

Em seu discurso de agradecimento, o dirigente disse que é muito importante reconhecer o mérito de quem trabalha e realiza. “Nós estamos num mundo de transformação. Enquanto representantes de uma instituição como a CNC, temos que ser consentâneos com essa realidade. A inteligência artificial invade o nosso cotidiano. Mas não temos que temer que isso vá ceifar empregos, porque novos surgem. A China é um exemplo. Hoje, com a inteligência artificial, já resgatou perto de 800 milhões de chineses da pobreza.” O presidente da CNC reforçou ainda que a entidade atua para conseguir melhores dias para as empresas, para que deem lucro. “O lucro, ao reverso de ser pecado, é a mola propulsora do desenvolvimento, visando que o trabalhador seja bem remunerado.”

Tadros elogiou o presidente da Fecomércio-DF, Francisco Maia, pela iniciativa de homenagear “aqueles que fazem acontecer, que usam a sua criatividade e seu talento para dar impulso ao desenvolvimento, que são poucos”.

Enfatizou que o Estado deve ser parceiro nesse processo, “permanentemente facilitando, abrindo espaços para que o talento e a criatividade não sejam tolhidos por tributos, normas e regulamentações, que sugam a competência e a inteligência de quem empreende”. Ele elogiou a atuação do governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, como parceiro do desenvolvimento.

Cidadania

Já o presidente da Fecomércio-DF afirmou que, “antes de sermos empresários, somos cidadãos. Nessa cerimônia, procuramos homenagear pessoas que não abrem mão de agir de maneira cidadã”. O prêmio, segundo ele, faz uma justa homenagem aos empresários e lideranças que contribuem para o fortalecimento e desenvolvimento do empreendedorismo, da educação e da cultura em Brasília.

“Há muitas maneiras de construir uma comunidade forte, que desenvolva um comércio ético e competitivamente justo. Não é apenas a busca do lucro que se constrói essa cultura. Nós homens do comércio jamais poderíamos esquecer os grandes empreendedores e o governo que os estimula. E os homenageados desse prêmio são um símbolo da gratidão que os empresários têm por essa cidade.”

Francisco Maia também fez um agradecimento ao presidente José Roberto Tadros, cuja administração “trouxe enorme progresso para o comércio do Brasil, e tem sido extremamente atencioso com o Distrito Federal, trabalhando pelo desenvolvimento de Brasília”.

Presença

A cerimônia da primeira edição do Prêmio Sistema Fecomércio foi realizada no auditório do Centro Empresarial da CNC, em Brasília. Cerca de 400 pessoas participaram do evento, entre empresários, políticos, representantes do governo do Distrito Federal e do setor cultural da cidade, além de dirigentes de federações estaduais de comércio.