Evento on-line da CNC mostra por que o Pix promete revolucionar meios de pagamento

AddToAny buttons

Compartilhe
30 nov A 01 dez 20
Ex: 8h00 às 18h00
Botão - Tenho Interesse
Esse preenchimento não garante sua
inscrição. É apenas para fins de comunicação,
envio de novidades e informações sobre o
evento.
Uma das novidades abordadas no evento Pix e a sua Funcionalidade para os Negócios, de extremo interesse para os empresários, foi o Pix Cobrança
Uma das novidades abordadas no evento Pix e a sua Funcionalidade para os Negócios, de extremo interesse para os empresários, foi o Pix Cobrança
Crédito
CNC

Atenta às novidades do mercado e sobre como essa nova modalidade pode impactar na vida dos empresários, a CNC realizou, no dia 27 de novembro, um evento online e gratuito sobre esse novo sistema, com a participação de especialistas do Banco Central e economistas do Sistema Comércio, que esclareceram as principais dúvidas sobre o funcionamento do Pix.

Uma das novidades abordadas no evento Pix e a sua Funcionalidade para os Negócios, de extremo interesse para os empresários, foi o Pix Cobrança, serviço pelo qual os lojistas, fornecedores, prestadores de serviço e demais empreendedores podem emitir um QR Code para realizar pagamentos imediatos. Ele poderá ser usado em pontos de venda, comércio eletrônico ou cobranças agendadas com vencimento em data futura. Nesse caso, é possível configurar outras informações além do valor. Juros, multa e descontos são alguns exemplos.

Para tirar dúvidas iniciais sobre o Pix, a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) entrevistou, no dia 20 de outubro, no podcast Um Negócio pra te Contar, o chefe de Subunidade no Departamento de Competição e de Estrutura do Mercado Financeiro, do Banco Central do Brasil, Breno Lobo. O especialista trabalha na área de sistema de pagamentos do banco há 14 anos e atualmente está na coordenação do projeto de implantação do Pix. Num bate papo simples, ele contou um pouco sobre o serviço.