Sumário Econômico - 1611

AddToAny buttons

Compartilhe
31 jan A 01 fev 20
Ex: 8h00 às 18h00
Botão - Tenho Interesse
Esse preenchimento não garante sua
inscrição. É apenas para fins de comunicação,
envio de novidades e informações sobre o
evento.
Crédito
GECOM/PV

Percentual de famílias com dívidas é menor em fevereiro, mas inadimplência aumenta - A inflação mais baixa é fruto dessas expectativas favoráveis conquistadas por ações que estão colocando o Brasil de volta aos trilhos. O percentual d e famílias com dívidas (cheque pré -datado, cartão de crédito, cheque especial , carnê de loja, empréstimo pessoal ,prestação de carro e seguro) diminuiu pela segunda vez em fevereiro de 2020, par a 65, 1%, ante 65, 3% em janeiro. Houve alta, porém, em relação a fevereiro do ano passado, quando o indicador alcançou 61 , 5% do total de famílias entrevistadas na Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic). Já o percentual de famílias com dívidas ou contas em atraso aumentou em fevereiro na comparação com o mês imediatamente anterior, passando de 23, 8% para 24, 1% do total . Também aumentou o percentual de famílias inadimplentes em relação a fevereiro de 2019, que havia registrado 23, 1% do total . Já o percentual de famílias que declararam não ter condições de pagar suas contas ou dívidas em atraso, e que, por tanto, permaneceriam inadimplentes, apresentou ligeira alta na comparação mensal , passando de 9,6% em janeiro de 2020 par a 9,7% do total em fevereiro. O indicador havia alcançado 9, 2% em fevereiro de 2019.

Crescimento em 2020 terá crédito como protagonista - A previsão de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) par a est e ano está n a faixa de 2 , 2% a 2 ,6%, podendo chegar a 3%. Desde 1973, o Brasil sempre cresceu rápido por causa das expor tações , porém, desta vez , tem que ser vi a consumo interno. Pesquisa da Confederação Nacional do Comércio de Bens , Serviços e Turismo (CNC) sobre endividamento mostra que as pessoas contraem dívida com a expectativa de achar emprego no futuro, e a inadimplência praticamente não cresce, o que representa que a atividade econômica está melhorando via crédito.

Indicador do turismo do IBGE fechou com alta em 2019 - Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o turismo brasileiro pôde recuperar-se ano passado. Ou melhor, vem se recuperando há dois anos na medida em que o volume das vendas reais dos setores ligados às atividades turísticas cresceu em 2019 em relação a 2018. A pesquisa do turismo é um subproduto da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS). Medido apenas em 12 unidades da federação pela Fundação IBGE, o Índice de Atividades Turísticas (Iatur) encerrou o exercício passado pela segunda vez consecutiva em alta, acumulando entre 2018 e 2019 aumento de 4,65%. Isso porque ano retrasado o indicador subiu 2,0%, e, em 2019, um pouco mais, 2,6%.

Primeira reunião da Comissão de Apoio ao Processo Regulatório sob a Perspectiva do Consumidor da Aneel - Será realizada, no dia 4 de março, a primeira reunião da Comissão de Apoio ao Processo Regulatório sob a Perspectiva do Consumidor da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), na Superintendência de Mediação Administrativa, Ouvidoria Setorial e Participação Pública (SMA) da Aneel , em Brasília. O objetivo da reunião é discutir temas importantes para as próximas audiências públicas, como os subsídios cruzados na estrutura tarifária, eficiência energética, sustentabilidade desse modelo atual de estrutura tarifária e tarifas por qual idade, e obter subsídios para a melhor representação da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) em temas de interesse do comércio, serviços e turismo.