4 April, 2016

Câmara dos Deputados homenageia 70 anos do Senac

Crédito: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

Adelmir Santana, deputado Izalci Lucas e alunos do Senac no final da solenidade

Adicionar aos meus Itens 

A Câmara dos Deputados realizou nesta segunda-feira (4/4) sessão solene em homenagem aos 70 anos de criação do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac). A iniciativa da solenidade foi do deputado Izalci Lucas (PSDB/DF).

O vice-presidente da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) Adelmir Santana representou o presidente da entidade, Antonio Oliveira Santos. Ele disse que, ao completar sete décadas de bons serviços prestados ao Brasil, o Senac tem muito do que se orgulhar, “levando-se em conta que poucas instituições perduram por tantos anos com atendimento de qualidade à população, especialmente, como é o caso, se ligada ao setor privado”.

Santana, que também preside a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Distrito Federal (Fecomércio-DF), enfatizou que o Senac vem prestando um trabalho de fundamental importância na formação e na qualificação profissional dos trabalhadores. O dirigente informou que mais de 63 milhões de estudantes passaram por suas salas de aula em cerca de 3 mil municípios espalhados por todo o País.

Adelmir lembrou a trajetória do Senac, destacando um episódio ocorrido durante os trabalhos da Constituinte de 1988, quando a existência das entidades do chamado Sistema S estava ameaçada pela perda da contribuição compulsória. “Foi apresentada emenda popular, a maior da história da Constituinte, com cerca de 1,5 milhão de assinaturas, recebida pelo relator, o então deputado Bernardo Cabral, e acatada pelo presidente Ulysses Guimarães, tornando-se o artigo 240 da atual Constituição.

“É, portanto, motivo de muito orgulho quando recebemos uma homenagem da Câmara dos Deputados. Estão em regozijo aqueles que fazem grande a entidade, sejam professores, sejam profissionais, sejam alunos.”

O autor do pedido de homenagem, deputado Izalci, leu mensagem do presidente da Câmara, Eduardo Cunha, que não pôde estar presente. Em seu discurso, o deputado do PSDB enfatizou as iniciativas do Senac em prol da educação, os avanços tecnológicos que introduziu na sua grade curricular e, principalmente, a qualidade dos profissionais que colocou no mercado de trabalho. Destacou ainda a parceria do Senac com o governo federal para o desenvolvimento do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). “A única forma de sermos iguais é a educação”, concluiu.

Também falaram os deputados Hildo Rocha (PMDB/MA) e Rôney Nemer (PP/DF). Da Mesa da sessão participaram o representante da CNC, Roberto Veloso; o representante do Senac Nacional, Antônio Henrique Borges; os representantes dos servidores do Senac-DF, Anna Beatriz de Almeida e João Batista Santana Neto; e a assessora de Gestão de Gastronomia do Senac, Marilene Siqueira. Além de convidados, cerca de 400 alunos lotaram o auditório e as galerias do Plenário.

Comments

0

Os comentários serão moderados, portanto evite o uso de palavras chulas, termos ofensivos ou comunicação vulgar. Se tiver alguma dúvida sobre o tema abordado aqui, use a nossa Área de Atendimento. Talvez a resposta já esteja lá.

Post new comment

The content of this field is kept private and will not be shown publicly.