26 maio, 2016

Governador de Santa Catarina participa do Congresso de Sindicatos

“Aumentar impostos não é o caminho", afirmou Raimundo Colombo

Crédito: Fecomércio-SC

“Aumentar impostos não é o caminho", afirmou Raimundo Colombo, sobre as alternativas do governo para sair da crise

Adicionar aos meus Itens 

O governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo, participou da abertura dos trabalhos do segundo dia de atividades do 32º Congresso Nacional de Sindicatos Patronais do Comércio de Bens, Serviços e Turismo, na Vila Germânica, em Blumenau (SC). 

Colombo falou aos congressistas sobre os diferenciais do Estado. Segundo ele, mesmo diante do atual cenário político e econômico, Santa Catarina mantém bom desempenho econômico, com o menor índice de desemprego no Brasil, controle das despesas públicas, economia diversificada e bons indicadores sociais. 

Para Colombo, a carga tributária é um tema que preocupa todos os empresários. “Aumentar impostos não é o caminho. Esta crise profunda deve ser enfrentada com determinação. Precisamos de uma reação imediata da nova equipe econômica para o ajuste das contas públicas. Em Santa Catarina, fizemos mudanças na Previdência para diminuir a folha, reduzimos os custos dos serviços e estamos próximos de um entendimento para renegociação da dívida. Se a economia não girar em 2017, teremos que aprofundar os cortes”, afirmou o governador. 

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) é uma das apoiadoras do 32º CNSP e participa do evento com palestrantes e um estande. Representantes da Divisão Sindical, da Assessoria Junto ao Poder Legislativo, da Gerência de Tecnologia da Informação, da Assessoria de Comunicação e do Departamento de Planejamento da entidade estão atendendo os visitantes do espaço, fornecendo informações e tirando dúvidas sobre iniciativas como a Rede Nacional de Assessorias Legislativas, o Sistema de Negociação Coletiva do Comércio, a Rede CNC (rede social corporativa) e o projeto de Marketing Associativo.

Comments

0

Os comentários serão moderados, portanto evite o uso de palavras chulas, termos ofensivos ou comunicação vulgar. Se tiver alguma dúvida sobre o tema abordado aqui, use a nossa Área de Atendimento. Talvez a resposta já esteja lá.

Post new comment

The content of this field is kept private and will not be shown publicly.